Comer novos alimentos

O seu filho tende a comer apenas dois ou três tipos de alimentos? Vira a cara ao lado com a simples visão de um pedaço de brócolos ou de cenoura? Foge só de ouvir falar em couve-flor ou abobrinha? Bem, se isso lhe parece o seu filho, então continue a ler!

Aqui estão três ideias simples para começar a inspirar o seu filho a comer o que você quer. Haverá mais em breve.

1) Acredite que é possível! É muito comum para nós assumir o que nossos filhos podem e não podem fazer. Só porque eles ainda não fizeram algo, não significa que nunca o farão. Essa mentalidade fecha possibilidades e oportunidades para ajudar os nossos filhos. Eles podem e de fato vão mudar. O primeiro passo para encorajar o seu filho a comer coisas novas é realmente acreditar que ele é capaz disso. Eles vão acreditar no que acreditar e vão perceber as mensagens que lhes dá. Então, primeiro de tudo, decida que isso é possível.

2) Seja um modelo! Nunca esquecerei em como uma vez, estava tão ansiosa em dizer a um Pai que o seu filho (que nunca havia tocado em um vegetal em toda a sua vida) colocou um pedaço de pepino na boca pela primeira vez. O pai fez uma careta para mim e disse: “Oh, eu não suporto pepino…na verdade, eu odeio todos os vegetais!” Se não gosta de experimentar novos alimentos ou não está disposto a demonstrar a alegria em experimentar novos alimentos, então como é que está á espera que o seu filho queira comê-los?

3) Divirta-se! Divirta-se e concentre-se em ter uma experiência descontraída e divertida em relação à introdução desses alimentos. Tenha muitos deles disponíveis quando estiver a trabalhar com a sua criança, escolha muitas cores e texturas diferentes e exiba-as de forma interessante em pratos diferentes ou em tigelas de tamanhos diferentes ao redor da sala. Imagine que os brócolos são um brinco ou que duas cenouras são um par de binóculos. Quanto mais diversão houver, mais diversão o seu filho vai ter.

 

Fonte: https://goo.gl/YwDGxj

Traduzido por: Débora Silva