13 Sinais pelos quais seu filho range os dentes durante a noite

Sbruxismoe o seu filho range os dentes durante a noite, pode ser um parasita digestivo. Saiba os sintomas e as diferentes razões para ranger os dentes.

Muitos pais me perguntam isto sobre o sono dos seus filhos e a sua saúde mental. Uma das questões mais comuns é:

Porque é que o meu filho range os dentes enquanto dorme?

O ranger dos dentes em crianças tornou-se algo comum e muitos pais pensam que é uma parte normal do crescimento. Contudo, o ranger dos dentes pode ser um sinal de um problema maior e não deve ser ignorado (quer em crianças, quer em adultos).

Existem poucas causas potenciadoras do ranger de dentes. Nos adultos e nas crianças, bruxismo (ranger de dentes) pode dever-se a um problema respiratório. Vias respiratórias pequenas podem fazer com que uma pessoa não caia nas fases de sono mais profundo, o que significa que o seu sistema glifático não está nas melhores condições. O seu sistema glifático é responsável pela limpeza de neurotoxinas do cérebro durante o sono.

O sono é uma parte crucial dos períodos de desenvolvimento dos dentes e do cérebro de uma criança. Jamais se deve ignorar o ranger de dentes de uma criança. Mais tarde a apneia do sono pode levar a doenças crónicas do coração ou do cérebro.

Como faço para que o meu filho pare de ranger os dentes durante a noite?

Para parar o ranger dos dentes é necessário saber primeiro a sua causa. Da mesma forma que sabemos que ressonar é um sintoma que não deve ser ignorado, o ranger dos dentes também não deve. Quando eu reparo que um paciente tem sinais de que range os dentes, aquilo que fazemos a seguir é identificar logo a causa implícita.

Sinais e sintomas de ranger os dentes incluem:

  • Maxilar dorido
  • Sensações estranhas nos dentes
  • Dentes aglomerados
  • Dentes lascados
  • Desalinhamento dos dentes
  • Ruído alto de mastigação durante o sono
  • Dor no maxilar
  • Dores de cabeça
  • Cansaço, irritação e má concentração
  • Sensação de sono durante a tarde
  • Respiração oral
  • Olheiras grandes
  • Problemas digestivos
  • Alergias na pele
  • Asma

Nas crianças, as duas maiores causas de ranger os dentes são problemas nas vias respiratórias e parasitas. Quando o ranger dos dentes é causado por parasitas, é um problema que só fica pior com o tempo, razão pela qual encorajo os pais a não ignorarem esta situação dos dentes.

Ranger de dentes e parasitas digestivos

Estudos sugerem que bruxismo pode prevalecer mais em situações de parasitas intestinais. Nesta fase, a pesquisa não é conclusiva e é incerto se os parasitas causam de facto o ranger de dentes. Sabe-se que o estômago e o cérebro têm uma conexão próxima através do nervo vago, por isso, a ideia de um invasor tóxico poder enviar um sinal ao cérebro e incitar o ranger, é um caminho que necessita mais pesquisa.

Estas infeções podem acontecer simultaneamente com outros sintomas como déficits de nutrientes, alergias e sensibilidades alimentares. Quando os parasitas entram no sistema digestivo libertam metabolitos que têm um impacto tóxico no corpo.

Infeções de parasitas parecem ser mais comuns do que aquilo que pensamos devido ao facto de os parasitas que causam bruxismo estarem muito espalhados. Água, terra, brinquedos e mãos são fontes diárias destes parasitas.

Parasitas digestivos comuns nas crianças incluem:

  • Oxiúro (enterobíase)
  • Ancilóstomo
  • Ténia (bicha solitária)
  • Lombrigas
  • Giardia
  • Dientamoeba fragilis

Os dois parasitas mais comuns em crianças são o Oxiúro e a Giardia. Afirma-se que uma melhor higiene pode prevenir infeções deste tipo, mas são suscetíveis de acontecer na mesma independentemente do cuidado que se tem.

Como é que as crianças apanham parasitas?

As crianças têm maior probabilidade de apanhar infeções de parasitas porque colocam coisas na boca, algo que os adultos normalmente não fazem. São também mais suscetíveis a roer as unhas e a pôr as mãos por lavar na boca.

Uma razão comum para as crianças acabarem por ter parasitas é roer as unhas. Se o seu filho rói as unhas e range os dentes, considere quebrar ambos os hábitos. Crianças que roem as unhas devem ser examinadas para a possibilidade de ter parasitas ou outros sinais de infeções de parasitas.

Não comece a desinfetar imediatamente!

Antes de começarmos a pegar nos desinfetantes é importante saber que a perda de microbiomas intestinais e ter um sistema imunitário frágil podem contribuir para infeções de parasitas em crianças. Primeiro, parasitas são frequentemente um sinal de perda de espécies probióticas e de um sistema intestinal saudável; de forma a se conseguir um equilíbrio dos microbiomas intestinais pode-se aliar uma dieta e suplementos probióticos e tentar, assim, ajudar o seu filho a combater naturalmente as infeções parasitárias. Segundo, quando o sistema imunitário é forte, está em melhores condições de combater os parasitas, por isso, certifique-se que o seu filho obtém quantidades suficientes de vitamina A, vitamina D e vitamina K2, que o ajudarão a resistir a infeções deste género. Estes elementos devem ajudar o sistema imunitário a diminuir a suscetibilidade de apanhar potenciais parasitas intestinais prejudiciais.

13 sinais de Infeção Parasitária Digestiva em crianças

  • Ranger os dentes: um sintoma comum em crianças e uma possível ligação a infeções parasitárias pode-se dever às toxinas que os parasitas libertam
  • Nervosismo: ansiedade e nervosismo são um resultado direto de uma carga tóxica causado pelos metabolitos dos parasitas.
  • Insónia: infeções podem perturbar o equilíbrio neurotransmissor e fazer com que o sistema nervoso acelere, o que pode causar insónias.
  • Problemas gastrointestinais crónicos: não é de admirar que os parasitas possam causar problemas nos intestinos, como inflamações, diarreia crónica e prisão de ventre.
  • Dor abdominal: certos tipos de parasitas podem causar dor abdominal, algo que é comum quando as pessoas viajam para outros países e consomem água ou comida que está infetada.
  • Comichão anal: este é um dos sintomas que os pais frequentemente notam depois do ranger dos dentes, e é revelador como sinal de infeção parasitária. Eu costumo dizer aos pais para prestarem atenção e ver se reparam nesta forma de desconforto nos seus filhos, especialmente se já demonstrarem mais sinais.
  • Fadiga extrema: os parasitas costumam interferir com a absorção de nutrientes, o que pode levar a fadiga extrema. Adicionalmente, a interferência no sono causada pela insónia e o ranger de dentes fazem com que o sono seja menos refrescante, e adicionam-se a este problema.
  • Perda de peso: deve-se à fraca absorção de nutrientes causada pelos parasitas.
  • Alterações de humor: são causadas pela inflamação sistémica e pelo desequilíbrio intestinal, e manifestam-se através de ansiedade, depressão, explosões e até alucinações.
  • Défice de nutrientes: com o tempo os parasitas interferem com a absorção de nutrientes até que isso se torne visível. A falta de ferro é um dos primeiros sinais, algo que se começa a notar mais quando uma criança fica com hematomas mais facilmente.
  • Problemas de pele: erupções cutâneas, urticárias ou sintomas típicos de alergias, podem ser também alguns sinais.
  • Fraqueza: extrema fraqueza devido à falta de nutrientes é comumente um dos sintomas tardios de infeções parasitárias.
  • Dores nos músculos e articulações: alguns parasitas podem infetar certas áreas do corpo incluindo as articulações, algo que pode ser confundido com artrite. Adicionalmente, uma inflamação muito difundida por causa da infeção pode também causar dores de músculos e articulações.

Bruxismo e ranger os dentes em crianças, com o passar do tempo, podem levar à erosão dos dentes e, se se deixar por corrigir, pode causar danos permanentes nos dentes e pôr em perigo o interior dos mesmos. Se o ranger dos dentes for causado por parasitas podem existir outras complicações de saúde como resultado da infeção.

Como fazer o seu filho parar de ranger os dentes durante o sono naturalmente

Primeiramente necessita submeter o seu filho a um exame dental focado no sono e nas vias respiratórias. Se uma via respiratória ou um distúrbio do sono não estiverem ligados ao ranger dos dentes, avança-se para uma análise mais profunda.

Seguidamente a criança deve ser testada para parasitas com o seu médico e, por norma, este teste consiste numa análise de fezes. Dependendo do tipo de parasitas o tratamento irá variar; poderá vir a precisar de uma medicação antiparasitas recomendada pelo médico.

Quer chegue ou não a tomar medicação, deve-se sempre ter atenção ao sistema imunitário e ter cuidado com o ambiente de forma a este não ser propício à propagação de parasitas. Alguns remédios naturais para combater os parasitas, que pode começar a tomar, são:

  • Começar a ter uma dieta densa em nutrientes e que fortaleça o sistema imunitário
  • Probióticos
  • Vinagre de sidra de maçã
  • Alho
  • Óleo de côco
  • Sementes de abóbora
  • Açafrão
  • Pimenta de Caiena
  • Canela
  • Exercício físico e suar ajudam a limpar o sistema linfático

Para prevenir uma reinfeção deve tentar fazer com que o seu filho não coloque as mãos na boca. Corte as unhas deles e ajude-o a melhorar a sua higiene pessoal, especialmente depois de ir ao quarto de banho. Certifique-se que ele utiliza calças quando vai dormir, de forma a prevenir a comichão, e que toda a roupa e toalhas que utiliza estão limpas.

Se o seu filho range os dentes à noite, verifique a possibilidade de ter parasitas, pois é mais comum do que aquilo que pensamos.

Fonte: https://www.drstevenlin.com/child-teeth-grinding-during-sleep-worms/

Traduzido por: Joana Guerra