339 results for author: Vencer Autismo


Como está a medir o sucesso? E se hoje medisse o sucesso pelo quanto amou, quão presente esteve e quanta alegria sentiu?~Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

As Razões Principais dos Comportamentos Desafiantes

No Autism Treatment Center of America...TODOS os meses são meses de Consciencialização para o Autismo.SABIA QUE... 4 razões pelas quais as nossa crianças nos batem são: 1.Estão a tentar comunicar algo. 2.Querem ver a nossa reação. 3.Estão a tentar equilibrar a sobrecarga sensorial4 Estão a tentar fazer o que acham que os protege Kate C. Wilde, autora de “Autistic Logistics”

Posicione-se para o contacto visual…

Colocar-se à mesma altura, ou mais abaixo, de uma criança com Autismo é uma técnica extremamente eficaz, mas ainda ignorada, para o contacto visual. Tente hoje com a sua criança com Autismo.Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Sobre as luzes verdes

 No Autism Treatment Center of America...TODOS os meses são meses de Consciencialização para o Autismo.SABIA QUE... Durante o dia, as nossas crianças nos dão luz verde (quando podem aprender ou interagir) ou luz vermelha (quando precisam de estar no seu mundo)?  O segredo é ser capaz de distinguir a diferença!Raun K. Kaufman, autor de "Autism Breakthrough"

Dicas para as idas à casa de banho

Agora já está mais à vontade com a história da ida à casa de banho. Retratou como é fantástico e maravilhoso usar a sanita. Mostrou à sua criança com autismo o seu cocó e para onde este vai. Por favor, continue a fazer isto à medida que avança para o passo seguinte.Agora... chegou a altura de largar as fraldas!  A melhor forma de a sua criança ter mais consciência da sua própria vontade de fazer xixi e cocó é colocar-lhes cuecas. Invista em cuecas divertidas e interessantes que possa começar a usar. Se a sua criança é pequenina e gosta do Rato Mickey ou do Noddy, compre cuecas com esses desenhos. Se a sua criança é criativa, ...

Flexibilidade

No Autism Treatment Center of America...TODOS os meses são meses de Consciencialização para o Autismo.SABIA QUE... a flexibilidade é a capacidade mais ignorada com as nossas crianças? Trabalhe isso e tudo mudará!Raun K. Kaufman, autor de "Autism Breakthrough"

Todos os meses são meses de Consciencialização para o Autismo

No Autism Treatment Center of America...TODOS os meses são meses de Consciencialização para o Autismo. SABIA QUE... o que a sua criança come pode afetar grandemente os seus comportamentos, o seu sono, a sua interação e a sua aprendizagem?Raun K. Kaufman, autor de "Autism Breakthrough"

Carta de uns pais para o pessoal do Son-Rise Program®

"Olá Becky, Brandi, Michelle e Susan,De vez em quando, o Hayden partilha comigo algumas experiências passadas. Memórias de quando ele não conseguia comunicar devidamente comigo.Hoje, quando íamos da escola para casa, ele disse “Mãe, lembras-te quando fomos de viagem e havia um rato na casa?” Eu não sabia bem do que ele estava a falar. Então, ele disse ”Sabes, onde vivem os amigos do Gerd.” (Ele estava a falar da casa do Son-Rise Program® no campus do Autism Treatment Center of America) “Senti-me tão amado."São momentos destes que me aquecem o coração. Quando vivíamos o autismo do Hayden, senti que estávamos no caminho certo e ...

Vamos estar mais presentes

Olhe hoje com novos olhos para a sua criança com Autismo. Em vez de a ajudar a mudar, pare um pouco para ver quem ela é.- O que a faz rir?- O que lhe agrada?- Se entregue a si própria o que gostaria ela de fazer?Quer a sua criança tenha 5, 15 ou 25 anos, é aqui que residem as verdadeiras raízes das relações e do crescimento social, no que a criança gosta mais de fazer. Junte-se a ela nisso e a relação irá surgir. Kate Wilde, Autism Treatment Center of America

Com ou sem diagnóstico?

Trabalhei, recentemente, com um maravilhoso casal que estava a implementar o Son-Rise Program® com o seu filho de 12 anos, que tinha um diagnóstico de "Autismo de Alto Funcionamento ". Durante a nossa conversa, eles perguntaram “Qual é a parte do comportamento dele que tem a ver com o Autismo e qual é a parte que não tem?”. A resposta recorrente foi “O que é que isso interessa?”. Independentemente de as nossas crianças apresentarem certos comportamentos, porque ainda lhes é difícil relacionar e lidar com o mundo à sua volta, ou se têm comportamentos típicos de uma criança de 12 anos a testar os limites da vida, a questão que ...