84 results for tag: atitude


Porque é que os maneirismos sociais forçados criam crianças menos sociais

Costuma obrigar a sua criança no espectro do ‪#‎autismo a dizer “olá”, apertar a mão a alguém, fazer pose para a fotografia ou a obedecer a outras ‪#‎ConvençõesSociais semelhantes?Percebo perfeitamente de onde vem esta vontade. E, por isso, sei que pode ser difícil perceber como pode ser contraproducente.Obrigar as nossas crianças a obedecer a estes maneirismos sociais é o oposto a ter uma criança sociável. Porquê?Eis três razões: 1) Quebra a confiança e a ligação ao obrigar a criança a fazer algo contra a sua vontade. 2) Dá origem a uma luta pelo controlo, o que faz com que as suas crianças se fechem e ...

Estar presente…

Quando éramos crianças tínhamos a capacidade de estar presente em cada momento e de nos divertirmos sem limites ou preocupações. Agora, em adultos, podem também tentar estar totalmente presentes e recuperar a capacidade de nos divertirmos. Experimente isso agora! Faça uma careta! Dance de forma engraçada! Seja tonto... Porque é que isto interessa? Porque quando nos estamos a divertir com a nossa criança com Autismo, podemos ajudá-la a interagir e aprender mais connosco.Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Mensagem essencial para a sua criança…

"Estou aqui para ti.” É esta a mensagem que queremos transmitir continuamente às nossas crianças com perturbações do espectro do #autismo. Queremos transmitir que as nossas crianças são amadas, aceites, acarinhadas, festejadas, desfrutadas e seguras. Como transmitimos isto às nossas crianças? Aceitando-as sem juízos de valor Celebrando muitas vezes com elas ficando relaxados e calmos quando elas parecem agitadas. Rindo e desfrutando, permanecendo tranquilo e confortável quando elas dizem algo desagradável (“Detesto-te!”), em vez de levar isso a sério Apreciando o que elas gostam Mostrando curiosidade sobre o mundo delas. ...

Amo a minha amiga com autismo porque…

A minha amiga com autismo ensinou-me a estar presente e a prestar atenção ao que é mais importante – às pessoas que fazem parte da minha vida. A minha amiga com autismo diz o que pensa sem filtrar nem pedir desculpa. A minha amiga com autismo quer um amigo que a ame também!  Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Vamos ser gratos pelo o que temos

As nossas crianças no espectro do autismo são abençoadas com tantas características que fazem delas o que são… uma maravilhosa dádiva nas nossas vidas. Diga uma coisa sobre a sua criança no espectro do autismo pela qual esteja grato/a.  Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Vamos acreditar nas nossas crianças…

A história das nossas crianças ainda não foi escrita e quem sabe o que será possível para elas... Quando acredito na minha criança, estou a inspirar outros a acreditar nelas também. Criaremos mais oportunidades para as nossas crianças aprenderem, quando acreditamos que podem aprender e crescer!  Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Amor incondicional

Quando se encanta com uma criança com autismo e não espera nada em troca, está a demonstrar a aceitação e o amor incondicional por outro ser humano. As crianças com autismo representam a humanidade na sua forma mais pura e crua, sem os julgamentos e limites que muitos de nós temos. Ou seja, amo-te tal como és e encontro alegria neste ato de amar.Autism Treatment Center of America,  http://www.autismtreatmentcenter.org/

ANTI-AUTISMO DISFARÇADO DE PRÓ-AUTISMO

Mais um crachá supostamente pró-autismo que, na verdade, apoia uma perspetiva negativa sobre as nossas crianças.Vejamos o que está por trás da afirmação “O meu filho é autista. Qual é a sua desculpa?”. O que é que isso significa? Bem, traduz-se assim: “O meu filho está a ser difícil, chato, perturbador, desinteressante, uma melga, etc. porque tem autismo. E você? Qual é a sua desculpa para ser assim?”. No ‪#‎SonRiseProgram‬‬ prestamos muita atenção às expressões que usamos, pois as nossas palavras muitas vezes revelam as nossas convicções. Neste caso, a palavra “desculpa” é a reveladora. Se o crachá ...

Tem dificuldade em conseguir que a sua criança participe?

Se tem dificuldade em que a sua criança participe nas actividades propostas aqui tem uma solução em 6 passos:1) Primeiro, analise a sua atitude. Se se sentir desmotivado quando a sua criança com ‪#‎autismo‬‬ não está interessada no seu jogo ou na sua atividade, pode sentir necessidade do interesse ou participação da sua criança. As crianças no espectro vão entender desta carência como uma pressão. Isto vai fazer com que façam tudo o que puderem para evitar serem pressionados ou controlados, o que irá aumentar as hipóteses de se DESobrigarem da atividade, ou mesmo de a descartarem.2) Depois de analisar a sua atitude, ...

A nossa atitude importa…

“A nossa atitude e o estado emocional podem dar o impulso para que uma criança mais desafiante chegue até nós... Ou pode servir para afastar essa criança.”Retirado de "Autism Breakthrough", de Raun K. Kaufman