60 results for tag: comportamento


Quer alcançar o seu filho com autismo?

As nossas crianças típicas aprendem a ligar-se aos pais fazendo o que eles estão a fazer. Faça o que o seu filho com autismo está a fazer e ligar-se-á mais profundamente a ele.Quando ele abanar as mãos, você abana as mãos, quando ele se baloiça, você baloiça-se, quando ele alinha objetos, você alinha objetos.Fazer a mesma atividade aproximar-vos-á – é a técnica de Joining (Juntar-se) do The Son-Rise Program®. Partilhe, por favor.Kate Wilde, Quadro Sénior do ATCA (Professora do The Son-Rise Program® e Facilitadora de Grupos)Autism Treatment Center of America | http://www.autismtreatmentcenter.org/

Ame os “ismos”

Apesar de no programa “Son-Rise” nos ser dito que devemos juntar-nos aos “ismos” das nossas crianças e de nos lembrarem, vezes sem conta, que esses “ismos” são a porta de entrada para o mundo em que as nossas crianças vivem, eu já muitas vezes pensei ou disse: “Como é que posso acabar com o ‘ismo’?”. Meses antes de me juntar ao Programa Intensivo “Son-Rise”, pensei que no mesmo me iriam mostrar como conseguir que o meu filho parasse de roer tudo o que encontrava pela frente; porém, hoje lembro-me claramente da cara serena do William Hogan quando me disse: “Ama esse roer!”. Ali estava eu, longe da minha casa, a ...

Integração Sensorial e o quarto de brincar do The Son-Rise Program®

Um pai recentemente perguntou-me se o The Son-Rise Program® podia ajudar crianças com desafios na integração sensorial – e eu diverti-me tanto a responder a essa pergunta que me senti inspirada a partilhar com vocês. O playroom do Programa Son-Rise é um lugar mágico – e é o lugar perfeito para ajudar a sua criança com problemas de integração sensorial. “Perturbação do Processamento Sensorial” (por vezes chamado “Disfunção da Integração Sensorial”) significa que o cérebro da criança tem dificuldades a processar e agir face ao estímulo que recebe do ambiente que a rodeia. As crianças podem demonstrar problemas no ...

Quando o seu filho não consegue aquilo que quer!

Tal como foi pedido por um pai , aqui ficam algumas coisas a fazer quando o seu filho com autismo não consegue aquilo que quer e por isso choraminga, chora ou de alguma forma mostra que está infeliz.O exemplo que este pai deu foi que quando alguém entra no playroom (quarto de brincar) onde está o filho dele, se não for a Mãe, a criança fica ao pé da porta a chorar e a querer sair.Eu sei que isto acontece muitas vezes, por isso aqui ficam algumas ideias do que fazer quando isto acontece. Isto também se aplica a outros cenários e limites que estabelece ao seu filho, tais como quando ele quer deitar o seu creme de corpo caríssimo pelo ...

Lições sobre Largar: nº1

Querer Versus Precisar em Auto-Estudo A última vez que aqui publiquei alguma coisa foi em Março, após o nosso espetacular The Son-Rise Program®. Foi nessa altura que comecei o meu caminho de “largar”, e aconteceu tanto desde então – comigo, com o Jordyn, com o nossoprograma, e com a nossa equipa – por isso - fique atento :).Durante o Intensive, comecei a perceber o quanto eu precisava de controlar o que me rodeia – que as coisas tinham que se passar de maneiras específicas, que eu nunca me sentia satisfeita com os resultados que estava a gerar com a equipa, com o Jordyn, na minha relação, etc. Comecei a descobrir e a ...

Lições sobre Largar nº2

 Querer versus Precisar com os nossos FilhosTodos nós aceitamos completamente onde os nossos filhos se encontram no modelo de desenvolvimento, certo? O que queremos é pura e simplesmente mais de NÓS próprios, certo?Bem, sugiro que reserve algum tempo para olhar para dentro. Porquê? Pois bem, continue a ler… foi só quando dei um passo atrás e olhei com objetividade para as minhas ações e para os meus sentimentos que pude realmente ver que eu precisava do desenvolvimento da linguagem expressiva do Jordyn, e que pude ver a pressão que lhe criávamos para que falasse. Quando eu transformei essa necessidade numa vontade ...

Segurar em Objetos!

Esta semana temos dois rapazinhos de 6 anos com autismo nos programas de formação aqui no The Autism Treatment Center of America. Eles têm personalidades e estágios de desenvolvimento muito diferentes mas têm uma coisa em comum, são apegados a determinados objetos.Um dos rapazinhos segurou em objetos durante todo o dia de hoje, ou 4 letras magnéticas, ou dois brinquedos de roer ou uma peça de lego em forma de L. O outro rapazinho usou um chapéu cor-de-laranja abóbora o dia todo. Faziam-me lembrar-me um rapazinho com Autismo com quem trabalhei há muitos anos e que segurava numa embalagem de massa instantânea pressionando o dedo ...

Uma Nota Sobre Gritar/Choramingar

Tem um filho que às vezes grita, choraminga ou berra ao dizer-lhe o que quer? Eu trabalhei com muitas crianças e adultos usando o The Son-Rise Program®, onde por vezes esta era a forma que tinham de comunicar.O que fazer quando isto acontece é simplesmente explicar-lhe ou pedir-lhe que use a sua voz normal. Saiba que ele está a fazer o melhor que pode para comunicar algo naquele momento; que aprendeu que usar esse tom de voz resulta para conseguir o que quer e então de uma forma doce e amorosa, ajude-o a perceber que gritar/chorar não o está a ajudar em nada e que, em vez disso, pode usar a sua voz normal sem gritar/berrar/choram...

10 Maneiras de Variar a Forma de Apertar

Muitas crianças gostam muito de ser apertadas nas mãos, nas pernas, na cabeça, etc., e grandes apertões de corpo inteiro. Aqui ficam 10 ideias a experimentar se o seu filho gosta de sentir pressão. 1) Traga 2 almofadas para o playroom e segure-as nos braços. Divirta-se a apertar o seu filho no meio das almofadas quando ele estiver motivado para isso.2) Use fantoches para apertar as mãos e os pés dele. Use diferentes vozes para cada fantoche enquanto serve de modelo de como dizer a palavra “apertar”.3) Encha um chapéu de adjetivos escritos em várias tiras de papel (e.g.depressa, devagar, mais fundo, a tremer, etc.). ...

Olhar fixamente – o ismo

O seu filho olha para si… você tenta celebrar. Ele continua a olhar… você faz alguma coisa engraçada. Ele continua a olhar fixamente para os seus olhos… você faz uma brincadeira… ele olha de volta… você convida-o a participar e ele não lhe responde…MAS......ELE AINDA ESTÁ A OLHAR!O QUE É QUE VOCÊ FAZ?Talvez o seu filho tenha o Ismo (estereotipia) de Olhar Fixamente! Ele só olha e olha para si.MAS........A EXPRESSÃO FACIAL É UM BOCADO CERÁFICA!PARECE ESTAR A VER ATRAVÉS DE SI!O OLHAR É FIXO E VÍTREO!Trabalhei recentemente com uma criança com Autismo que fazia isto. Eu celebrei, respon...