97 results for tag: The Son-Rise Program®


Qual é a sua estereotipia?

Uma das estratégias para o autismo que o The Son-Rise Program utiliza é juntar-se às atividades exclusivas e repetitivas da criança (“ismos”). Algumas crianças abana as mãos, outras rodopiam, e outras recitam frases de filmes.Existem muitos “ismos” diferentes e todos nós os temos. Por exemplo, eu gosto de ouvir as mesmas músicas repetidamente no meu iPod – o som e o ritmo acalmam-me e deixo-me absorver pela música.Acho que se fosse uma criança com autismo, ficaria deitado confortavelmente debaixo de um cobertor macio, tal qual um casulo. Qual é o seu “ismo”?Fonte: https://goo.gl/xrTuQcTraduzido por: André Gomes

O que é afinal o The Son Rise Program?

Aviso: esta publicação não é uma publicidade ao Son-Rise Program®. Estou a escrever para educar os pais porque este programa mudou, sinceramente, a nossa vida e a esperança que temos para os nossos filhos no espetro. Se visita o meu blogue há algum tempo, já me ouviu falar sobre o Son-Rise Program® mais do que uma vez. Escrevi uma análise crítica sobre a evolução do autismo (que o descreve) e referi-me à “nossa terapia” regularmente. Mas hoje quero analisar a questão…O que é o Son-Rise Program®? Se tivesse de descrever o Son-Rise Program® numa palavra seria ESPERANÇA. Encoraja-o a abrir todas as portas fechadas que tem ...

Vamos focar-nos no que mais importante: na construção de relações sociais!

A sua criança com Autismo não consegue fazer amigos dizendo as cores. Vamos concentrar-nos no que é mais importante para as nossas crianças... Vamos inspirá-las a criar relações sociais fortes e importantes.Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

A importância estar animado com a sua criança

A sua criança………Tem dificuldade em reconhecer expressões faciais? Tem dificuldade em relacionar-se com outras pessoas? Fica com uma expressão fixa a maior parte do tempo? Na nossa experiência de trabalho com crianças no espectro do autismo, e com outros atrasos no desenvolvimento, durante mais de 30 anos, vimos claramente estes desafios nas nossas crianças.Como podemos ajudar?O simples facto de estar animado e exagerar as suas expressões faciais, vozes e os movimentos é incrivelmente eficaz para inspirar a nossa criança a crescer quanto a estes 3 desafios.Como funciona?As nossas crianças são especialistas em ...

Qual é a sua reação habitual?

Quando a sua criança com ‪#‎autismo faz algo que você não entende, a sua reação habitual é responder a esse comportamento com hostilidade ou desconforto? (Se sim, não se martirize! Não faz mal. Muitos de nós fazemos isto. O importante é reconhecê-lo.)Ou... a sua primeira reação é ficar relaxado e com mente aberta, e tentar perceber o que a sua criança está a fazer (mesmo que não seja a sua coisa mais preferida do mundo)? Isto não significa que a segunda opção é a resposta “certa”. Significa que a segunda opção é o que nos permite:1)estar confortáveis em vez de estressados2) ter uma mente aberta para nos apercebermos do ...

Continuem

Continuem, fantásticos pais no ‪#‎SonRiseProgram! Continuem assim! Não se trata de ser perfeito. Trata-se de perseverança. Não é um resultado específico que é importante. É a sua vontade de fazer esta mágica jornada com a sua magnífica criança! A sua criança é capaz de mudança e crescimento incríveis, mas demora o seu tempo. São VOCÊS que dão esse tempo à vossa criança!Estamos todos a torcer por vocês aqui no Autism Treatment Center of America. Estou aqui a apoiar-vos! Vocês conseguem!‪#‎autismo‪#‎continuemRaun K. Kaufman

Luzes verdes

E se eu vos dissesse que há um elemento na existência da sua criança que vocês nunca viram? Cada minuto em que a sua criança está acordada, ela está num espaço exclusivo-interactivo. Umas vezes a sua criança está com estereotipias, sem estabelecer contacto visual consigo e sem reação quando chama por ela (LUZ VERMELHA). Outras vezes, a sua criança pode brincar consigo, olhar para si e pode reparar que ela está mais flexível, mais disposta a ir ao seu encontro (LUZ VERDE). No The Son-Rise Program®, as técnicas usadas são totalmente decididas pelo facto de uma criança estar nesse espaço, e não por um horário ditado por um adulto ...

Estar presente…

Quando éramos crianças tínhamos a capacidade de estar presente em cada momento e de nos divertirmos sem limites ou preocupações. Agora, em adultos, podem também tentar estar totalmente presentes e recuperar a capacidade de nos divertirmos. Experimente isso agora! Faça uma careta! Dance de forma engraçada! Seja tonto... Porque é que isto interessa? Porque quando nos estamos a divertir com a nossa criança com Autismo, podemos ajudá-la a interagir e aprender mais connosco.Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/

Dar controlo

Tentar que a criança “largue” o seu comportamento controlador não funciona. Quando a autoridade da criança é desafiada, ela fará o que for preciso para a recuperar.- Retirado do livro “Autism breakthrough”, do Raun K. Kaufman

Vamos festejar!

Ao fazer um inventário do ano que agora terminou, podemos ter tendência para ver só o que falhou, ou algum desafio que não tenha sido superado… Vamos fazer uma pausa nisto! Esta semana, vamos centrar-nos nos momentos especiais que passamos com alguém de quem gostamos, nos pequenos gestos de carinho. Vamos ser bondosos connosco e com os que amamos… Talvez possamos festejar a nossa capacidade de preferir amar a qualquer momento!   Autism Treatment Center of America, http://www.autismtreatmentcenter.org/